Feira do Livro de Brasília retorna e vai até o dia 26/6

BSB Capital 20/06/2022 às 15:13, Atualizado em 22/06/2022 às 15:00

Serão homenageados na FeLib o ilustrador e escritor Roger Mello, o fundador da Biblioteca Nacional Antônio Miranda e o ator, escritor e diretor Lázaro Ramos.

O foco da feira será a sustentabilidade e todo o lixo gerado no local será reciclado após o evento. Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

Da Redação

Está de volta a tradicional Feira do Livro de Brasília (FeLiB), após dois anos sendo adiada em decorrência da pandemia da covid-19. A FeLiB teve início na última sexta-feira (17), em frente ao Museu da República e da Biblioteca Nacional de Brasília.

São esperadas mais de oito mil pessoas, que visitem os estandes com variadas obras, a feira traz desde os clássicos aos lançamentos. Os visitantes podem encontrar mais de 20 estandes com livros para diferentes gostos – desde a literatura clássica, mangás, poemas, literatura infantil, conteúdos especiais de fotografia, arte e gastronomia, conteúdos escolares e de estudos específicos, além de cordéis, quadrinhos, etc.

Além de apreciar boas leituras, há também cadeiras de massagem, contadores de histórias, música, espaço de alimentação, artesanato e brinquedos. Também há espaços de debates e conscientização, com estandes para conscientização sobre a violência contra a mulher, violência na infância e educação no trânsito. Além dos tradicionais desenhos de caricatura.

Programação

O ilustrador e escritor Roger Mello, o fundador da Biblioteca Nacional Antônio Miranda e o ator, escritor e diretor Lázaro Ramos serão homenageados durante a FeLiB. Além das homenagens, o foco da feira será a sustentabilidade e todo o lixo gerado no local será reciclado após o evento.

A 36ª edição da Feira acontecerá até o dia 26 de junho e é inclusiva, com títulos em braile, deficientes e idosos prestarão atendimento ao público. Os autores do Distrito Federal estarão presentes no Quadradinho Mais Autora, local destinado para os escritores locais, associações e editoras independentes de Brasília.

Com informações do Jornal de Brasília.

Leia mais em Brasília Capital

Deixe um comentário

Rolar para cima