“Vamos falar sobre assédio?”

BSB Capital 08/06/2022 às 16:30, Atualizado em 09/06/2022 às 12:50

Sindicato dos Bancários de Brasília lança concurso de frases. Categoria concorre a ingressos para cinema

Foto: Divulgação

Leidiane Souza (*)

Mais de 60% dos bancários brasileiros afirmam ter sofrido algum tipo de assédio – moral e/ou sexual – no ambiente de trabalho. O dado é resultado de pesquisa da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) com o Fundo para Igualdade de Gênero (FIG). Além dos resultados alarmantes, o levantamento revelou, ainda, que as mulheres são as principais vítimas de discriminação.

Essas e outras informações sobre assédio podem ser conferidos na cartilha “Enfretamento ao assédio Moral, assédio sexual e discriminação no trabalho bancário”, lançada recentemente pelo Sindicato dos Bancários de Brasília, em parceria com a LBS Advogados.

Para divulgar a cartilha e realizar debates sobre o combate às práticas nocivas de assédio, o Sindicato lançou o concurso de frases “Vamos falar sobre assédio?”. A atividade, idealizada pela Secretaria de Mulheres do Sindicato, via intensificar a luta coletiva contra o assédio moral, sexual e a discriminação no ambiente trabalho, bem como trazer informações e fomentar a discussão acerca do tema, ainda visto como tabu na nossa sociedade.

O concurso tem duas etapas. Na primeira fase, iniciada no dia 30 de maio, os bancários e bancárias sindicalizados que quiserem participar da atividade deverão elaborar e encaminhar, até 10 de junho,frases relacionadas à importância da luta, do combate ao assédio moral, sexual e à discriminação e das suas consequências.
Na segunda fase, de 10 a 24 de junho, a categoria escolherá, no Instagram, as melhores frases.

Os autores e autoras das nove frases mais curtidas ganharão pares de ingressos para sessões de cinema do Shopping Liberty Mall. “Além da incansável luta em defesa dos direitos da categoria, o Sindicato dos Bancários de Brasília é conhecido também por sua ampla atuação na promoção da cultura. Pensando nisso, nada melhor que alinhar a discussão sobre o combate aos diversos tipos de assédio e, de quebra, garantir ingressos para as sessões de cinema no Liberty Mall. Convocamos todos os companheiros de luta a participarem desta atividade”, conclamou a secretária de Mulheres do Sindicato, Zezé Furtado.

Ela ressaltou, ainda, que, diante do aumento significativo nas denúncias de assédio recebidas pelo Sindicato, mais que nunca é fundamental fortalecer esta luta. “Este é um enfrentamento que o Sindicato faz todos os dias, e a nossa luta é para que os bancários tenham um ambiente de trabalho saudável e, principalmente, uma vida digna. Seguimos em busca de uma sociedade mais justa e igualitária para todos. Esse é o nosso compromisso”, concluiu a dirigente.

(*) Colaboração para o Seeb Brasília

Leia mais em Brasília Capital

Deixe um comentário

Rolar para cima