Assembleia virtual dos bancários avalia possível greve na corrida pela vacina

bsbcapitalPor ,22/06/2021 às 15:33, Atualizado em 22/06/2021 às 15:35

Sindicato mobiliza delegados sindicais e filiados para possível paralisação a partir de segunda(28). Assembleia virtual remota acontece nesta quarta (23)

O presidente do sindicato dos Bancários do DF, Kleytton Morais, acompanhado de diversos diretores, está percorrendo diversos bancos no DF para mobilizar a categoria sobre um tema muito caro a todos nesse momento, a necessidade de vacinação imediata contra a covid-19.

O sindicato está inconformado com as dificuldades colocadas e falta de retornos formais dos bancos à entidade sobre o repasse das informações necessárias à elaboração de listagem – a ser apresentada à Secretaria de Saúde – para a vacinação da categoria.

Kleytton Morais, presidente do Sindicato dos Bancários.

No último dia 10, o sindicato – em reunião com o governador Ibaneis Rocha – obteve o compromisso com a priorização da categoria na vacinação contra a covid-19. “É uma justiça com os bancários que estão, desde o início da pandemia, como categoria essencial, na linha de frente, atendendo à população”, afirma o presidente do sindicato Kleytton Morais. “Por tudo isso, imaginávamos que teríamos a compreensão de todos os bancos, com o envio imediato e urgente das informações para elaborar as listagens. Infelizmente não é o que ocorre”, completa Kleytton.

Maioria dos bancos não respondeu aos Ofício do sindicato.

Assim, no último dia 15, o sindicato formalizou aos bancos o pedido de informações necessárias à elaboração do Plano Operacional de Vacinação dos bancários (veja fac-símile acima). Além dos bancários, as informações deveriam contemplas vigilantes, copeiros, pessoal de limpeza, enfim, todos que atuam nas unidades.

No entanto, o sindicato foi surpreendido sexta-feira (18), ao tomar conhecimento da movimentação da FENABAN junto a Secretaria de Saúde do DF. “Chegou-nos a informação de que os bancos, a partir da sua representação, buscaram o GDF para estabelecer entendimento em relação à vacinação da categoria à revelia de quaisquer contato com o sindicato”, conta Kleytton.

O presidente do sindicato lembra que semrpre buscou a participação dos bancos, tanto que foram convidados a acompanhar o sindicato na audiência com o governador Ibaneis e depois junto à Secretaira de Saúde. Em ambas as oportunidades os representantes dos bancos não compareceram.

“Agora que nos aproximamos da vacinação da categoria, deparamos com esses absurdos”, diz Kleytton “Pior, reiterado desrespeito e falta de compromisso com as entidades representativas dos trabalhadores”, completa.

Notificação extrajudicial

Nesta segunda-feira (21) o sindicato notificou extrajudicialmente o Banco do Brasil, a Caixa Econômica, o Santander, o Itaú e o Bradesco por não terem enviado à entidade representativa dos trabalhadores nehuma resposta até o momento, estando a Secretaria de Saúde no aguardo das informações necessárias e indispensáveis à vacinação dos bancários.

Kleytton Morais destaca que há algumas exceções. “Diferentemente dos bancões nacionais que deveriam dar o bom exemplo, outras instituições, alguns bancos – respeitando a urgência da situação – encaminharam informações para o sindicato organizar e entregar a listagem”, ressalva.

Mobilização

Assim, o sindicato mobiliza a categoria para diversas reuniões:

  • Nesta terça-feira, dia 22, 19h, reunião com as delegadas e delegados sindicais.
  • Nesta terça-feira, dia 22, 20h30, realização de uma “live” com toda a categoria para orientações.
  • Nesta quarta-feira, dia 23, 19h, Assembleia Geral Remota Virtual para deliberar sobre Greve a partir de segunda-feira, dia 28.

Os links para participar das reuniões virtuais podem ser obtidos no portal do Sindicato dos Bancários https://bancariosdf.com.br/portal/ .

Deixe um comentário

Rolar para cima