Sistema de agendamento online da Carteira de Identidade está lento

BSB Capital 04/07/2016 às 19:31, Atualizado em 09/07/2016 às 3:38

No primeiro dia de funcionamento do sistema de agendamento online da Polícia Civil para emissão da Carteira de Identidade, nesta segunda-feira (4), usuários se queixaram da lentidão do serviço no Distrito Federal. O Sistema de Agendamento de Serviços (SAS) deve permitir a confecção do primeiro documento, gratuito, ou de segunda via, que custa R$ 42. …

Sistema de agendamento online da Carteira de Identidade está lento Leia mais »

Agência Brasília

No primeiro dia de funcionamento do sistema de agendamento online da Polícia Civil para emissão da Carteira de Identidade, nesta segunda-feira (4), usuários se queixaram da lentidão do serviço no Distrito Federal. O Sistema de Agendamento de Serviços (SAS) deve permitir a confecção do primeiro documento, gratuito, ou de segunda via, que custa R$ 42.

O portal G1 fez três tentativas na página, às 14h30, 16h30 e 18h30, sem sucesso. Nas duas primeiras, o site passou mais de 20 minutos carregando o formulário, que não chegou a abrir. Na terceira, após cerca de 15 minutos, uma mensagem de erro apareceu na tela.

Em nota, a Polícia Civil confirmou a existência de problemas técnicos, causados pela “grande procura”. Até as 18h, o departamento tecnológico ainda trabalhava para resolver o problema. Balanço da corporação indica que 490 pessoas agendaram a emissão do documento até as 14h.

A ideia da Polícia Civil é oferecer, com o agendamento online, mais comodidade ao cidadão e reduzir chances de idas frustradas aos postos de confecção do documento. A corporação informou que realiza uma média de 800 atendimentos por dia nas unidades. Atualmente, a Carteira de Identidade pode ser requerida nos postos do Na Hora e nas delegacias. O documento fica pronto em quatro dias úteis, no Na Hora, e em sete dias úteis, na Polícia Civil.

Deixe um comentário

Rolar para cima