Selecionados pelo ProUni têm prazo até terça-feira (24)

BSB Capital 18/06/2014 às 10:43, Atualizado em 18/06/2014 às 10:43

Os estudantes selecionados na segunda edição de 2014 do Programa Universidade para Todos (ProUni) devem comparecer à instituição de ensino até terça-feira (24), para comprovar as informações prestadas no momento da inscrição. Quem perder o prazo será automaticamente retirado do processo. No primeiro semestre, o ProUni ofereceu 191.600 bolsas e bateu o recorde de inscrições, …

Selecionados pelo ProUni têm prazo até terça-feira (24) Leia mais »

Os estudantes selecionados na segunda edição de 2014 do Programa Universidade para Todos (ProUni) devem comparecer à instituição de ensino até terça-feira (24), para comprovar as informações prestadas no momento da inscrição. Quem perder o prazo será automaticamente retirado do processo. No primeiro semestre, o ProUni ofereceu 191.600 bolsas e bateu o recorde de inscrições, com 1.259.285 candidatos.

Para concorrer, o estudante deve ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013, obtendo no mínimo 450 pontos na média geral das provas, além de não ter tirado nota zero na redação. Além disso, precisa comprovar renda familiar por pessoa de até um salário mínimo e meio se quiser pleitear a bolsa integral. Para as parciais, a renda familiar pode ser de até três salários mínimos por pessoa.

Quem concorre a bolsas parciais pode recorrer ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para bancar o restante dos custos com mensalidade, sem a necessidade de apresentar fiador. Para isso, é necessário que a instituição de ensino tenha firmado termo de adesão ao Fies e ao Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (Fgeduc).

Enem – De acordo com o Ministério da Educação, 8.721.946 alunos confirmaram inscrição no Enem 2014, número 21,6% superior ao registrado em 2013. O exame será realizado nos dias 8 e 9 de novembro.

Dos alunos cadastrados, 4.990.025 (57%) concluíram o ensino médio; 1.748.588 (20%) são alunos do último ano; 997.131 (11%) farão prova para obter o certificado de conclusão do ensino básico; e os restantes 11% é formado por treineiros, alunos que não chegaram ao terceiro ano do ensino médio e outros que não se enquadram em qualquer dessas categorias.

A maior parte dos inscritos, 57,9%, se identificou como negra e 25% das vagas serão reservadas a alunos de baixa renda e oriundos de escola pública.

Da Redação

Deixe um comentário

Rolar para cima