Cunha renuncia à presidência da Câmara

bsbcapitalPor ,07/07/2016 às 13:46, Atualizado em 09/07/2016 às 3:50

O deputado Eduardo Cunha (PDMB-RJ) anunciou seu afastamento da Câmara dos Deputados nesta quinta-feira (7). Em pronunciamento que durou menos de 10 minutos, Cunha chorou e criticou a Câmara dos Deputados, que classificou de “acéfala”. O parlamentar ainda ressaltou que o Supremo Tribunal Federal “não tem qualquer previsão de julgamento de seu recurso de afastamento”. “Resolvi atender …

Cunha renuncia à presidência da Câmara Leia mais »

O deputado Eduardo Cunha (PDMB-RJ) anunciou seu afastamento da Câmara dos Deputados nesta quinta-feira (7). Em pronunciamento que durou menos de 10 minutos, Cunha chorou e criticou a Câmara dos Deputados, que classificou de “acéfala”. O parlamentar ainda ressaltou que o Supremo Tribunal Federal “não tem qualquer previsão de julgamento de seu recurso de afastamento”.

“Resolvi atender aos apelos generalizados de meus apoiadores. É público e notório que a Casa está acéfala, fruto de uma integridade bizarra, que não condiz com o que o país espera após o afastamento da presidente da República. Somente a minha renúncia pode pôr fim essa instabilidade sem prazo. A Câmara não suportará esperar infinitamente”, disse o peemedebista.

A data para a nova eleição e os candidatos para sua sucessão ainda não foram definidas. A cassação de Cunha está em tramitação na Comissão de Constituição e Justiça por ter negado a existência de contas na Suiça, depois de ter passado pelo crivo do Conselho de Ética, onde perdeu por 11 a 9.

Confira um trecho do pronunciamento:

Deixe um comentário

Rolar para cima