Wasny quer Senado, mas deve ir para federal

bsbcapitalPor ,24/07/2017 às 16:51, Atualizado em 18/09/2017 às 21:03

Veja como está a articulação da frente de esquerda para as eleições de 2018 no DF

Wasny De Roure está em seu terceiro mandato na Câmara Legislativa. Foto: Agência Câmara Legislativa

O distrital Wasny de Roure (PT) sonha com o Senado, mas seus correligionários apostam que ele tem tudo para se eleger deputado federal. O petista já está em seu quinto mandato na Câmara Legislativa, onde é um dos parlamentares mais experientes e respeitado. Neste período, ainda exerceu um mandato na Câmara Federal.

Ainda no PT, Rodrigo Couto quer pular da presidência local da CUT para a Câmara Legislativa. O partido, agora presidido pela federal Érika Kokay, tem conversado com outras legendas como PCdoB, Psol e PPL afim de alinhar o discurso de esquerda para 2018. O ideal, para todos, seria uma candidatura única. Até o momento, porém, as conversas para este único nome ainda estão engatinhando.

Leia mais sobre os bastidores da política

No Psol, que aposta em grande crescimento nas próximas eleições no DF, estão na disputa Toninho do Psol e a auditora da CGU Anjuli Tostes. Ela aposta na juventude e na renovação da política para vencer as prévias internas e alçar voo ao palácio do Buriti. “A política precisa ser mudada por dentro”, discursa.

} else {

2 comentários em “Wasny quer Senado, mas deve ir para federal”

Deixe um comentário

Rolar para cima