Renato Russo fará show no Mané Garrincha

bsbcapitalPor ,02/03/2013 às 9:03, Atualizado em 02/03/2013 às 9:03

No fim de junho, Renato Russo volta ao Mané Garrincha em holograma para cantar com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional e artistas nacionais e internacionais. Ingressos serão gratuitos ou terão preço popular Show da Legião Urbana em 18 de junho de 1988 reuniu 50 mil pessoas nas arquibancadas e no gramado do estádio Desde …

Renato Russo fará show no Mané Garrincha Leia mais »

No fim de junho, Renato Russo volta ao Mané Garrincha em holograma para cantar com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional e artistas nacionais e internacionais. Ingressos serão gratuitos ou terão preço popular

Show da Legião Urbana em 18 de junho de 1988 reuniu 50 mil pessoas nas arquibancadas e no gramado do estádio (Ronaldo de Oliveira/CB/D.A Press - 18/6/88)
Show da Legião Urbana em 18 de junho de 1988 reuniu 50 mil pessoas nas arquibancadas e no gramado do estádio

Desde que Renato Russo morreu, em 1996, foram prestadas muitas homenagens ao músico, ícone do rock brasileiro. Nenhuma, porém, contava com a Orquestra Sinfônica de Brasília e a presença, quase física, do cantor. “Vamos retomar a força que ele tinha nos palcos. Ele era completo ao vivo”, resume o filho Giuliano Manfredini, de 23 anos. Um projeto que nasceu há mais de duas décadas nas mãos de quem escreveu clássicos como Faroeste caboclo, Pais e filhos e Eduardo e Mônica, finalmente tem uma data para sair do papel: 29 de junho. Um dia para muitas gerações de Brasília e do Brasil comemorar.

Com o maestro Silvio Barbato — morto no acidente da Air France —, Renato Russo teria traçado um show inédito. Tocar em parceria com a Orquestra do Teatro Nacional, que faria arranjos especiais para as músicas dele e da Legião Urbana. Agora, sob a regência do maestro Claudio Cohen e com a participação de artistas nacionais e internacionais, o espetáculo ganha forma e uma grande atração: um holograma. A tecnologia importada irá tornar o sonho de todo fã uma realidade, que é o retorno do ídolo aos palcos.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário

Rolar para cima