Regras e exceções em nossas vidas

bsbcapitalPor ,03/03/2016 às 9:25, Atualizado em 09/07/2016 às 3:54

 Pedro Costa (*)   Hoje vamos falar sobre uma forma que temos para avaliar a qualidade da nossa vida e dos nossos relacionamentos. Acredito que um bom termômetro para fazermos essa avaliação – que é simples mas muito eficaz – é o que está sendo regra e o que está sendo exceção em nossas vidas. …

Regras e exceções em nossas vidas Leia mais »

 Pedro Costa (*)

 

Hoje vamos falar sobre uma forma que temos para avaliar a qualidade da nossa vida e dos nossos relacionamentos. Acredito que um bom termômetro para fazermos essa avaliação – que é simples mas muito eficaz – é o que está sendo regra e o que está sendo exceção em nossas vidas.

Por exemplo: se na maioria do tempo eu me sinto bem, me sinto feliz, disposto e, de vez em quando,não me sinto tão bem, sentindo-me cansado, triste ou com raiva, acredito que até isso é normal.

Agora, se a regra é eu me sentir mal, “pra baixo”, o tempo inteiro cansado ou com raiva, acende uma luz importante para eu buscar algum tipo de ajuda! Talvez seja a forma do meu organismo me dizer que alguma coisa não está bem comigo!

Da mesma forma no relacionamento. Se a regra é estarmos bem, felizes, e de vez em quando nos desentendemos, acredito que até aí isso também é normal. Porém, se o mais comum é o desentendimento, se a regra é briga e desrespeito, então também acende uma luz importante para buscarmos alguma ajuda.

Nossos sintomas e os nossos sentimentos são formas que o nosso corpo tem de se comunicar conosco. Quando não o ouvimos, a tendência é de que a intensidade desses “recados” aumente, e o corpo fale cada vez mais alto!

Com certeza, vocês já ouviram o ditado “quem não para por bem, vai parar por mal!”.  Então, convido a todos a parar por bem e fazer uma análise do que está sendo regra e o que está sendo exceção em suas vidas!

Caso não goste da regra, busque ajuda e seja feliz!

(*) Psicólogo e Coach na Clínica Diálogo – www.clinicadialogo.com.br

 

 

Deixe um comentário

Rolar para cima