Rafael dos Anjos está fora de luta contra Conor McGregor

bsbcapitalPor ,23/02/2016 às 10:00, Atualizado em 09/07/2016 às 3:45

O duelo entre Rafael dos Anjos e Conor McGregor pelo UFC 196, no próximo dia 5 de março, foi cancelado após o lutador brasileiro, atual campeão dos pesos-leves, sofrer uma lesão no pé. O Ultimate confirmou a saída de Dos Anjos no início da tarde desta terça-feira, após o vazamento de informações de que o atleta niteroiense quebrou …

Rafael dos Anjos está fora de luta contra Conor McGregor Leia mais »

O duelo entre Rafael dos Anjos e Conor McGregor pelo UFC 196, no próximo dia 5 de março, foi cancelado após o lutador brasileiro, atual campeão dos pesos-leves, sofrer uma lesão no pé. O Ultimate confirmou a saída de Dos Anjos no início da tarde desta terça-feira, após o vazamento de informações de que o atleta niteroiense quebrou o pé nos treinamentos para a luta.

No momento, o UFC busca opções para substituir Rafael dos Anjos e manter Conor McGregor no evento. Os pesos-leves Donald Cerrone e Anthony Pettis já se ofereceram à direção do evento, de acordo com veículos especializados americanos. Outras opções especuladas seriam Nate Diaz e Tony Ferguson. O brasileiro José Aldo, derrotado por McGregor em dezembro passado na disputa do cinturão dos pesos-penas, já foi procurado, mas sua equipe descartou a luta por falta de tempo hábil de preparação.

Em grande fase no UFC, Rafael dos Anjos faria sua segunda defesa de cinturão, conquistado ano passado ao destronar Anthony Pettis. Em dezembro de 2015, ele bateu Donald Cerrone por nocaute técnico com pouco mais de um minuto de luta. O niteroiense quebrou o pé na sexta-feira passada, quando fazia a última sessão de sparring para o combate contra McGregor, ao ter um chute bloqueado com o joelho pelo parceiro de treino.

Campeão dos penas, McGregor decidiu subir de categoria para desafiar o atleta da Kings MMA. O irlandês está invicto no evento e, em sua última apresentação, nocauteou José Aldo em 13 segundos, tomando o posto do adversário.


Diretoria do Fla avalia Brasília como ‘casa fixa’


Morre Brock Little


 

Deixe um comentário

Rolar para cima