Por que mudar hábitos alimentares?

mmPor ,05/07/2015 às 19:21, Atualizado em 05/07/2015 às 19:21

Diversos são os motivos para buscarmos uma dieta equilibrada, visto que todas as nossas funções metabólicas – ou seja, o que faz com que nos mantenhamos vivos – dependem diretamente do que comemos. Os alimentos, de uma forma geral, nos fornecem nutrientes que têm funções básicas de nutrição para as células, de construção de tecidos, …

Por que mudar hábitos alimentares? Leia mais »

Diversos são os motivos para buscarmos uma dieta equilibrada, visto que todas as nossas funções metabólicas – ou seja, o que faz com que nos mantenhamos vivos – dependem diretamente do que comemos. Os alimentos, de uma forma geral, nos fornecem nutrientes que têm funções básicas de nutrição para as células, de construção de tecidos, síntese de hormônios e reforço do sistema imunológico, que são os carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas e minerais.

Além desses nutrientes, temos compostos bioativos, especialmente em alimentos de origem vegetal. Estes são os antioxidantes. Eles protegem nosso corpo de doenças. É bom lembrar que só conseguimos ter todos esses elementos juntos se cumprirmos uma dieta saudável e equilibrada. E ela é composta por alimentos mais naturais e menos processados (industrializados).

Alimentos processados e ultraprocessados são caracterizados por terem muita gordura, açúcar e sal, e costumam viciar o nosso paladar. Por isso, buscamos cada vez mais esse tipo de alimento não-saudável. Isso acontece, por exemplo, com os refrigerantes, que têm grande quantidade de açúcar. Até mesmo os refrigerantes zero açúcar ou diets não são saudáveis, pois apresentam uma grande quantidade de adoçantes artificiais, além das outras substâncias artificiais.

E qual o problema de todos esses compostos artificiais? Primeiro, que eles não têm função para as nossas células. Então, quando entram no corpo, o fígado e rins têm mais trabalho para eliminar essas substâncias do corpo. Quanto aos adoçantes artificiais, para quem acha que vai “emagrecer” com refrigerante diet, é preciso ter cuidado, pois esses adoçantes são capazes de estimular receptores de sabor doce nas células, e a consequência é a liberação de insulina, um hormônio que estimula o acúmulo de gordura no corpo.

Portanto, como traz o novo Guia Alimentar para a população brasileira (2014), o melhor é investir em alimentos in natura e fazer preparações culinárias com muito amor.

 


Leia Mais:


 As perdições das festas juninas


Chocolate todo dia? Sim, é possível!


O fisiculturismo no Brasil


Deixe um comentário

Rolar para cima