MTST invade tríplex atribuído a Lula

bsbcapitalPor ,16/04/2018 às 10:41, Atualizado em 16/04/2018 às 18:57

Com a invasão, o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto e a Frente Povo Sem Medo protestam contra a prisão do ex-presidente Lula, que cumpre pena por causa do imóvel

Tríplex no Guarujá. Justiça considerou o imóvel como propina ao ex-presidente Lula. Foto: Reprodução/Facebook

 

 

 

O apartamento tríplex atribuído ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Guarujá, litoral de São Paulo, foi invadido nesta segunda-feira (16) por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e da Frente Povo Sem Medo. A informação foi divulgada pelo ativista Guilherme Boulos, pré-candidato à Presidência da República pelo PSol e líder do MTST.

Boulos escreveu na sua postagem: “MTST e a Povo Sem Medo acabam de ocupar o tríplex do Guarujá, atribuído a Lula por Moro (juiz Sérgio Moro). Se é do Lula, o povo poderá ficar. Se não é, por que então ele está preso”. A informação veio acompanhada da foto com as faixas na sacada do apartamento.

A referência de Boulos é porque Lula está preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba, condenado em primeira e segunda instâncias na Operação Lava Jato, exatamente porque a Justiça considerou-o culpado de aceitar, da Construtora OAS, a promessa de posse e de reforma do tríplex. Mas a própria Justiça considera que o imóvel ainda está em nome da construtora.

 

 

 

Deixe um comentário

Rolar para cima