Motorista é encontrado morto em cela de DP após prisão por embriaguez

BSB Capital14/08/2017 às 18:20, Atualizado em 06/04/2022 às 15:18

Esta é a segunda vez que um preso por embriaguez morre dentro de uma delegacia em 30 dias

Giovânio foi abordado por policiais militares enquanto dirigia em Recanto das Emas. Foto: Divulgação

Detido e levado à 27ª Delegacia de Polícia, Giovânio Alves da Silva, de 43 anos, foi encontrado morto em uma cela da unidade às 5h desta segunda-feira (14). Segundo a Polícia Civil, Giovânio estava “enforcado com a calça que usava”. Há um mês, motorista terceirizado da Caixa Econômica e Federal foi encontrado morto dentro de cela de delegacia de Sobradinho.

A Polícia Civil afirma solicitou imediato socorro ao Corpo de Bombeiros para tentar reanimar Giovânio. Sem sucesso. Foi instaurado um procedimento para apurar os fatos.

“G.A.S foi abordado por policiais militares dirigindo embriagado em uma rua do Recanto das Emas. O teste do etilômetro, aplicado pelos policiais militares, mediu 1,11mg/l. Por tal razão, a autoridade policial o autuou em flagrante por crime de embriaguez ao volante (art. 306, CTB)”, informa a nota da PCDF.

A família foi comunicada do valor da fiança (1,2 mil), mas não compareceu à unidade policial para o pagamento. A Polícia Militar informou que Giovânio dirigia um Volkswagen Fox “de maneira perigosa” e que chegou a ser contido por populares, quando parou o carro. Foi agredido, mas liberado em seguida.

Ele voltou a fazer manobras perigosas e acabou abordado por policiais militares, que fizeram o teste do bafômetro e constataram um teor alcoólico elevado.

Rolar para cima