Menor mata rival em uma padaria, em Sobradinho

BSB Capital 22/05/2014 às 9:03, Atualizado em 22/05/2014 às 9:03

Uma rixa  entre gangues  de Sobradinho foi o que motivou o assassinato do jovem Thiago André Santos Souza, de 28 anos, morto com três tiros na cabeça quando saía de uma padaria no último dia 17. Nesta terça-feira à noite, um adolescente de 17 anos, que já era procurado pela polícia, se apresentou à Delegacia …

Menor mata rival em uma padaria, em Sobradinho Leia mais »

Uma rixa  entre gangues  de Sobradinho foi o que motivou o assassinato do jovem Thiago André Santos Souza, de 28 anos, morto com três tiros na cabeça quando saía de uma padaria no último dia 17. Nesta terça-feira à noite, um adolescente de 17 anos, que já era procurado pela polícia, se apresentou à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA 1). O menor, porém, não assumiu a autoria do crime.

Segundo a delegada Mônica Ferreira, Souza já havia sido vítima de uma tentativa de homicídio, mas não revelou à polícia que tinha um desafeto. Ele também já teria tentado matar o menor, que, por vingança, acabou cometendo o crime.

“O que chocou é o fato de que a vítima carregava a afilhada no colo, de apenas três anos, no momento dos disparos. Houve claramente o risco de que essa criança também fosse morta”, disse Mônica.

Em ambos os casos de tentativa de homicídio, não houve registro de   ocorrência. “Eles não  procuraram a delegacia justamente porque já pensam em se preservar e também em se vingar, por saber quem efetuou os disparos”, avaliou.

Antecedentes

O jovem de 28 anos já tinha   passagens pela polícia e  cumpria pena em regime domiciliar por roubo. Já o menor  soma sete passagens.

“Apesar de ter se apresentado, ele não confessou os disparos contra o Thiago. Só disse que se apresentou porque sabia que era procurado e afirmou que só falaria em juízo”, completou a delegada.

A internação provisória do menor foi decretada no último dia 19. Se a sentença sair em até 45 dias, o adolescente pode ficar internado de seis meses a três anos pelo cumprimento de medida  socioeducativa.

A ação do menor foi registrada por câmeras da padaria. O vídeo mostra Souza chegando ao estabelecimento com a criança no colo. Momentos depois, o menor também chega com uma bicicleta e vai ao encontro do rival e, em seguida, efetua os três disparos.

Irmão apreendido

A delegada-chefe da Delegacia da Criança e do Adolescente, Mônica Ferreira, informou ainda que o irmão do menor acusado de ter matado Souza também foi apreendido em Sobradinho.

Com 15 anos de idade, ele já soma mais de três passagens pela polícia e estaria em atitude suspeita na região quando foi abordado pela Polícia Militar.

A perícia vai investigar se a arma encontrada com o menor é a mesma utilizada no crime que resultou na morte de Souza no último dia 17.

Deixe um comentário

Rolar para cima