Vídeo: Manifestantes vão ao Senado contra impeachment e são contidos pela Polícia Legislativa

bsbcapitalPor ,28/04/2016 às 18:58, Atualizado em 09/07/2016 às 3:52

Religiosos e ativistas vão à porta da Comissão do Impeachment pressionar senadores para votarem contra a saída da presidente Dilma Cerca de vinte militantes do Comitê Pró-Democracia e outros vinte religiosos seguidores de religiões africanas como Candomblé e Umbanda foram ao Senado Federal nesta quinta-feira (28) pressionar os senadores da Comissão do Impeachment a votarem …

Vídeo: Manifestantes vão ao Senado contra impeachment e são contidos pela Polícia Legislativa Leia mais »

Religiosos e ativistas vão à porta da Comissão do Impeachment pressionar senadores para votarem contra a saída da presidente Dilma
Cerca de vinte militantes do Comitê Pró-Democracia e outros vinte religiosos seguidores de religiões africanas como Candomblé e Umbanda foram ao Senado Federal nesta quinta-feira (28) pressionar os senadores da Comissão do Impeachment a votarem contra a saída da presidente Dilma do poder.
O Comitê Pró-Democracia, porém, foi impedido de erguer cartazes e gritar palavras de ordem no túnel de entrada da sala das comissões. Houve confusão com a Polícia Legislativa e eles foram retirados da Casa.
“Estávamos fazendo nosso protesto silenciosamente e fomos atacados pela segurança do Senado. É lamentável o episódio”, disse Bia Barbosa, do Comitê Pró-Democracia.
Já os seguidores de religiões afrobrasileiras do Foesp (Fórum de Sacerdotes e Sacerdotisas de Matriz Afrobrasileira) foram protestar pela manutenção dos direitos humanos e pelo estado laico brasileiro.
Diego Montoni, um dos líderes do movimento, disse que eles são contra o impeachment, mas querem garantir os direitos humanos.”Somos contra o retrocesso e à bancada BBB (bala, Bíblia e boi). Queremos o fim dos ataques aos terreiros”, disse Montoni.
Confira os vídeos da manifestação:

Deixe um comentário

Rolar para cima