Liberada a cor laranja na subseção de Ceilândia da OAB-DF

gabrielpontesPor ,10/09/2021 às 17:07, Atualizado em 13/09/2021 às 11:45

Decisão do Conselho Federal da entidade negou representação que pretendia associar a cor a um dos pré-candidatos à reeleição

A pré-candidata a presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-DF) Thais Riedel perdeu uma representação no Conselho Federal da entidade (CFOAB), na quinta-feira (9). Ela acusava a subseção de Ceilândia de usar a cor laranja em publicações nas redes sociais. Laranja é a cor do Movimento OAB no Rumo Certo, apoiado pelo presidente da subseção ceilandense e pré-candidato à reeleição, Leonardo Rabelo.

No voto, o Conselho Federal entendeu que “não há prova da materialidade da infração”, negando o pedido de Riedel. Para Rabelo, a decisão do relator foi acertada. “Quem de fato trabalhou e esteve presente perante à advocacia ceilandense, nos últimos dois anos e oito meses, sabe que nosso objetivo sempre foi deixá-la informada de todos os serviços disponíveis, eventos e trabalhos realizados, independentemente de cores e grupos”, disse.

Deixe um comentário

Rolar para cima