Grupo fecha W3 Norte

bsbcapitalPor ,10/09/2013 às 11:38, Atualizado em 10/09/2013 às 11:38

Cerca de 50 pessoas fecharam por 30 minutos a W3 Norte, em Brasília, na altura do Tribunal Regional do Trabalho da 513, nesta terça-feira (10) para protestar pelo pagamento dos encargos de quando foram demitidas de duas empresas de segurança e limpeza ligadas à família do deputado distrital Cristiano Araújo (PTB). Eles alegam que mais …

Grupo fecha W3 Norte Leia mais »

Cerca de 50 pessoas fecharam por 30 minutos a W3 Norte, em Brasília, na altura do Tribunal Regional do Trabalho da 513, nesta terça-feira (10) para protestar pelo pagamento dos encargos de quando foram demitidas de duas empresas de segurança e limpeza ligadas à família do deputado distrital Cristiano Araújo (PTB). Eles alegam que mais de 3 mil pessoas foram desligadas em 2012, mas, apesar de terem sido feitos acordos, poucos receberam os valores combinados. A assessoria parlamentar informou que Araújo não tem ligação com a administração das empresas.

O grupo afirmou que não teve apoio do sindicato para realizar a manifestação. Sob os gritos de “Cadê o meu dinheiro, deputado caloteiro?”, o grupo voltou a fechar a via em dois momentos, mas os atos não ultrapassaram cinco minutos.

Um juiz do TRT disse, após a última paralisação da via, que receberia o grupo. Os acordos não são coletivos, mas individuais, totalizando mais de 5 mil processos.

Deixe um comentário

Rolar para cima