Gratidão: mude seu magnetismo

mmPor ,12/12/2020 às 10:04, Atualizado em 07/12/2020 às 12:18

“Há pessoas que encontram algo de bom em cada situação, e tornam-se gratas. É isso que é ser religioso”

É o magnetismo que rege a sua vida. Ele é gerado por seus pensamentos e sentimentos. Pare de resmungar, culpar, queixar-se. Você não sabe nada sobre o seu propósito na vida. Então, ao invés de maldizer, peça a Deus sabedoria. Seja aluno da vida. Enfrente tudo como lições, ensinamentos. É assim que você será grato e crescerá. Tornar-se-á feliz.

O sofrimento é opcional. No dia em que você parar de lamentar, maldizer, culpar e viver como pode, ele desaparecerá. Deixe ir quem não lhe quer mais. Deixe ir quem não quer crescer. Deixe ir quem não quer criar juízo, amadurecer. Deixe ir o que não serve mais.

Você está no século da transição, da limpeza. Quem não for honesto, solidário e fraterno não poderá continuar na Terra. Afaste-se de pessoas desequilibradas, que se irritam por qualquer coisa, principalmente, se não lhe ouvirem. Aprenda com os momentos difíceis. Ninguém passa em branco, mas você deve sair mais forte, mais sábio. Você veio aqui para crescer até o último segundo da sua vida.

Mude para melhor. A Terra é como uma estação que devemos deixar limpa para os novos passageiros. Fazemos parte de uma grande engrenagem. Quando você muda, já começou a mudar o mundo. Você já percebeu que tem gente que parece não ter problemas e está sempre sorrindo? Se não for hipócrita, aprendeu a valorizar o lado positivo da vida.

“Seja você mesmo; não imite ninguém. A sua autenticidade é sua divindade. Há pessoas que podem encontrar sempre algo errado em cada situação, e tornam-se infelizes. Há pessoas que encontram algo de bom em cada situação, e tornam-se gratas. É isso que é ser religioso”.

Ame. “O amor só é possível quando há aceitação de si, do outro, do mundo. A aceitação cria o ambiente no qual o amor cresce”. Seja agradável. Aprenda a puxar as pessoas para visões otimistas, alegre-as ou afaste-se, se não puder fazê-lo. “Dominados pelo egoísmo, quantas vezes esquecemos de reconhecer o valor do outro, de agradecer, de dizer ‘obrigado’?”

Quando a gente se doa, o universo retribui.

Deixe um comentário

Rolar para cima