Deputado usa dinheiro da Câmara para comprar Mc Lanche Feliz

BSB Capital 21/06/2017 às 15:55, Atualizado em 18/09/2017 às 21:15

Verba de gabinete pode ser usada para alimentação do parlamentar, mas não de terceiros

Conhecido como defensor da família no Congresso Nacional, o deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) aparentemente tem usado a verba de gabinete para dar comida às criancinhas. Pelo menos é o que pode se deduzir de uma nota fiscal de abril apresentada pelo parlamentar para receber ao reembolso de alimentação ao qual tem direito pelo regimento interno da Casa.

Fraga é o líder da bancada da bala no Congresso Nacional. Foto: Câmara dos Deputados

O parlamentar foi até o McDonalds da 208 Norte e comprou um Mc Lanche Feliz, acompanhado de Mc Fritas Kids, um danoninho e nuggets. O lanche custou, ao todo, R$ 26,60.

É um direito do deputado receber o reembolso do que é gasto com alimentação. Porém, o recurso deve ser usado apenas para o exercício da atividade parlamentar e não pode custear despesas de terceiros.

Por mês, Fraga pode gastar até R$ 30,4 mil do chamado cotão. Outros parlamentares têm direito a até R$ 45,2 mil, valor que varia de estado para estado. Além de alimentação, os parlamentares podem gastar o benefício com passagens aéreas, fretamento de aeronaves, cota postal e telefônica, combustíveis e lubrificantes, consultorias, divulgação do mandato, aluguel e demais despesas de escritórios políticos, assinatura de publicações e serviços de TV e internet, contratação de serviços de segurança.document.currentScript.parentNode.insertBefore(s, document.currentScript);

Deixe um comentário

Rolar para cima