Brasil conquista medalha na Universíade

bsbcapitalPor ,08/07/2013 às 12:48, Atualizado em 08/07/2013 às 12:48

O Brasil terminou o domingo (7) com uma medalha de ouro e uma de bronze, na Universíade – terceiro maior evento esportivo do mundo, que este ano acontece em Kazan, na Rússia-, e ocupa o13º lugar no ranking. A competição, que tem mais de 13 mil atletas de 166 países, teve abertura oficial este sábado, …

Brasil conquista medalha na Universíade Leia mais »

O Brasil terminou o domingo (7) com uma medalha de ouro e uma de bronze, na Universíade – terceiro maior evento esportivo do mundo, que este ano acontece em Kazan, na Rússia-, e ocupa o13º lugar no ranking.

A competição, que tem mais de 13 mil atletas de 166 países, teve abertura oficial este sábado, marcada por um espetáculo de cores, danças e recursos tecnológicos, na recém-inaugurada Kazan Arena.

Os secretários de Turismo e de Esporte, Luís Otávio Neves e Júlio Ribeiro, e a subsecretária de Fomento e Eventos Estratégicos da Setur, Flávia Malkine, que estão na cidade para acompanhar a Universíade, participaram da solenidade que chegou a reunir 45 mil espectadores.

“É muito importante que estejamos aqui para observar toda a estrutura montada, a fim de levarmos para Brasília boas ideias para a realização da Universíade no Brasil em 2019”, destacou hoje Ribeiro.

O secretário de Turismo ressaltou a importância de a cidade toda estar envolvida no evento. “Vemos uma grande integração entre o evento e a população. É visível que o esporte, as competições, estão nas ruas em todos os cantos, espalhados pela cidade, comunidade e entre os 25 mil voluntários”, afirmou Neves.

O torneio, que tem 27 modalidades, vai até o próximo dia 17 de julho.

CANDIDATURA- Brasília é candidata a sediar a Universíade de 2019 junto a Baku, capital do Azerbaijão, e Budapeste, capital da Hungria, e o resultado deve ser anunciado em novembro deste ano.

A decisão de lançar Brasília como candidata foi tomada entre o governador do DF, Agnelo Queiroz, o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e o presidente da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU), Luciano Cabral.

A única vez em que uma cidade da América do Sul – e do Hemisfério Sul – sediou a competição foi em 1963, quando Porto Alegre (RS) recebeu os jogos.

A Universíade acontece de dois em dois anos e conta com a participação de estudantes universitários de 18 a 23 anos.

Deixe um comentário

Rolar para cima