Ameaça a Delinho

orlandopontesPor ,11/06/2021 às 10:26, Atualizado em 11/06/2021 às 10:29

Oposição tenta formar frente para derrotar atual presidente da OAB-DF

Atual presidente da seccional DF, Délio Lins e Silva.

Na semana que se inicia nesta segunda-feira (14) podem surgir importantes definições na corrida sucessória na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Distrito Federal, que terá eleição em novembro. A movimentação pode dificultar a permanência de Délio Lins e Silva na cadeira de presidente da seccional DF.

Está marcada para os próximos dias, ainda sem data definida, uma reunião entre os cinco pré-candidatos de oposição ao atual comando da Ordem. Thaís Riedel, Cléber Lopes, Evandro Pertence, Everardo Gueiros e Jacques Veloso tentarão fechar questão em torno de um único nome.

O governador Ibaneis Rocha acompanha o debate com atenção. Ex-presidente da OAB-DF, ele integra o grupo de oposição e sabe da importância da categoria para sua própria reeleição em 2022. Afinal, são quase 70 mil advogados inscritos em Brasília.

Como alternativa aos dois grupos, corre por fora o advogado Guilherme Campelo.

Deixe um comentário

Rolar para cima